Porque meu toner não imprime o que está estimado na embalagem?

Essa é uma dúvida constante entre os nossos clientes de recarga de toner.  Há sempre um questionamento do tipo “durou pouco” ou “durou só 15 dias”.

Primeiro precisamos entender que é praticamente impossível estimar a duração de um toner em dias, pelo simples fato do consumo de toner num dia não ser igual ao do outro!  Tudo depende não só da quantidade de folhas que é impresso, mas também do conteúdo que é impresso em cada folha!

Escutamos por exemplo: “Mas o fabricante informa que imprime 2000 páginas!” – isso para um determinado modelo

Sim, eles informam uma capacidade de impressão.  Basta lermos as linhas seguintes e lá também informa que essa quantidade se refere a 2000 páginas com apenas 5% de cobertura, ou seja, com este toner você consegue imprimir 2000 páginas EXATAMENTE IDÊNTICAS, onde apenas 5% DA ÁREA DO PAPEL (normalmente letter – que é ainda menor que o A4 que usamos aqui no Brasil) é impresso!

Essa é uma página padrão ISO 19752 com 5% de cobertura

 

​Se simplesmente colocarmos todas as fontes em negrito já dobraremos o consumo!

Os boletos bancários e Documentos Fiscais que imprimimos diariamente como NFe, CTe e outros possuem códigos de barra que por si só aumentam bastante o consumo do toner.

Veja exemplos de capacidade pela utilização:

  • Utilizando 5% por pagina capacidade 2.000 páginas

  • Utilizando 10% por pagina, a capacidade cai para metade, ou seja 1.000 páginas, pois está imprimindo o DOBRO da quantidade estimada por página

  • Utilizando 20% por página, a capacidade cai para 500 páginas, pois voce está imprimindo 4 (quatro) vezes mais que o estimado.

Nas impressoras coloridas essa estimativa de capacidade indicada, fica ainda mais difícil o cálculo, pois a utilização para criar determinadas cores utilizam uma proporção de cada um dos 4 toners (preto, ciano, amarelo e magenta).

Atualmente todas as impressoras bloqueiam o toner depois de imprimir a quantidade estimada pelo fabricante mesmo antes do toner começar a falhar com o objetivo de evitar o desperdício de folhas de papel e energia elétrica.

Em toners coloridos, é bem comum, devido a essa dificuldade de cálculo do uso de cada cor, de algum toner já ter acabado fisicamente e no equipamento informar que ainda teria carga. Para confirmar o real consumo, é necessária a PESAGEM FÍSICA do cartucho (toner) para verificar a quantidade de toner dentro do cartucho.

O cálculo e a estimativa realizada e informada no equipamento é somente LÓGICA e NÃO FÍSICA, ou seja, a a impressora não tem como saber a carga REAL do que tem dentro do cartucho de toner. Ela se baseia pelo chip (memória) que alguns cartuchos possuem em seu casco que em comunicação bi-direcional com a impressora, armazena constantemente nesse chip o quanto imprimiu em cada documento enviado, para que dessa forma essa memória seja um “espelho” do que ainda resta de carga no cartucho.

Você pode obter informações detalhadas sobre as normas ISO/IEC no Web site www.iso.org/jtc1/sc28

Por isso nossos toners saem todos identificados e pesados.  Nossa garantia é de acordo com o peso do toner e não com a data em que ele foi recarregado.  Isso é transparência e honestidade com os nossos clientes.